Buscar
  • Ceort Taubaté

Entorse de Tornozelo

A entorse do tornozelo é um motivo freqüente de propcura ao atendimento ortopédico. Estima-se que corresponda de 15 à 25% de todas as lesões músculo-esqueléticas e de 10 à 15% das lesões do esporte. Ocorre com maior freqüência em atletas de futebol, vôlei e basquete.


Pessoas com dismetria dos membros inferiores, frouxidão ligamentar, calcâneo varo, pé eqüino e praticante de modalidades esportivas de salto e corrida estão mais propensas a sofrer desta lesão.

A estabilidade do tornozelo se dá, em parte, pelos complexos ligamentares lateral (lado de fora) e medial (lado de dentro), sendo o lateral o mais comumente acometido (95% dos casos).


De 10 à 20% dos casos podem evoluir com instabilidade crônica no tornozelo, independente do tratamento incial. No entanto esta complicação também pode ser tratada.


O tratamento das entorses do tornozelo tem como objetivo o retorno às atividades cotidianas, com remissão da dor e inchaço e ausência de instabilidade residual. Repouso, aplicação de gelo no local e elevação do membro estão indicados, alguns casos podem necessitar imobilização e os casos mais graves até cirurgia.

Se acontecer com você não deixe de procurar o atendimento ortopédico para avaliação e tratamento adequandos.


DR. GUSTAVO RAMALHO DE OLIVEIRA

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo